30 setembro 2007

Mourinho: o fenomenal!

"[José] Mourinho atrai mais do que Camões"

António Lobo Antunes, "Diário de Notícias", 30-09-2007

Associação Nacional de Estudantes de Sociologia

A ANES - Associação Nacional de Estudantes de Sociologia- foi criada o ano passado em Lisboa e contou com três núcleos que constituiram a comissão instaladora: Núcleo de Estudantes do Curso de Sociologia da Universidade do Minho (NECSUM), o Núcleo de Estudantes de Sociologia do Planeamento do ISCTE (NESP) e Estudantes de Sociologia da Associação de Estudantes da Universidade do Algarve.
Desde 2003 que estes três núcleos intensificaram os esforços para formar uma associação representativa de todos os estudantes. O ano passado, em Março, este sonho tornou-se realidade quando em Lisboa se assinou finalmente a constituição oficial da ANES e quando ocorreu no ISCTE a assembleia de eleição dos orgãos sociais constituintes da ANES e ocorreu a primeira assembleia da ANES. Todos os núcleos/universidades de Sociologia foram solicitados a estarem presentes. Também eu me desloquei a Lisboa nesse fim-de-semana enquanto membro representante do NECSUM e assisti a todo o nascimento. Seria bom que este projecto voltasse a ser pegado e tivesse a continuação dos agora estudantes da ANES que tanto nos orgulhou!
Contudo, é com enorme tristeza que aqui falo do não prosseguimento da ANES dada a incompatibilidade de tempo, funções e falta de vontade de alguns membros. Assim, a ANES resumiu-se à sua constituição e primeira assembleia em Março e a um Colóquio/Conferência em Outubro também do ano passado. Este ano em Março era previsto haver nova Assembleia para eleger os novos membros da ANES e a organização de actividades que juntassem alunos de Sociologia de todas as universidades do país. Todavia, tal não sucedeu e a ANES ficou por aqui.

Aqui deixo um pequeno resumo do historial da ANES e aqueles que foram os primeiros membros dos orgãos sociais da ANES.

Historial:
- A ANES foi fundada a 10 de Março de 2006
- A ANES tem a sua sede nas instalações da APS (Associação Portuguesa de Sociologia): Av. Professor Aníbal Bettencourt, nº 9, piso2, sala E2-3.4.01, 1600-189 Lisboa
- A ANES é reconhecida pelo Ministério da Ciência e Ensino Superior como associação de estudantes de Sociologia a nível nacional



Orgãos sociais da ANES:

Direcção:
Presidente: Bárbara Cunha (Univ. Minho)
Vice-Presidente: Carina Cabral (ISCTE)
Tesoureiro: Heidi Martins (Univ. Minho)
Secretário: Marina Trigueirão (ISCTE)

1º Vogal: Filipe Herculano (Univ. Algarve)
2º Vogal: Diana Ferreirinha (Univ. Técnica Lisboa)
3º Vogal: Diogo Ribeiro (Univ. Nova Lisboa)

Mesa da Assembleia:
Presidente: Daniel Cerveira (Univ. Nova Lisboa)
Vice-Presidente: Susana Oliveira (ISCTE)
Secretário: Helena Antunes (Univ. Minho)

Conselho Fiscal:
Presidente: Alfredo Campos (Univ. Coimbra)
Vice-Presidente: Rui Bernardino (Univ. Técnica)
Relator: Sandra Cunha (Univ. Minho)

Seria bom se alguém pegasse novamente neste projecto e seguisse enfrente com a ANES, dado que muitos de nós já terminamos a licenciatura.
Levar a ANES a uma alto patamar de representação dos estudantes de Sociologia.

Só para dizer que...

ADORO OS MEUS AMIGOS!

29 setembro 2007

PSD - A decisão final (III) - Rescaldos

Luís Filipe Menezes conseguiu 20.701 votos o que corresponde a 54,09 por cento e Marques Mendes 16.334 votos o que equivale a 42,68 por cento.









Pede-se agora aos "trapezistas" da política, que não se ponham com os "exercícios" do costume. Na política, há perder e há ganhar. Embora muitos, por eles, nunca tenham ganho nada. Por isso mesmo, alguns já queriam pôr em causa as directas. Ficou provado que não há método mais adequado para "as bases" fazerem prevalecer a sua vontade soberana. Por mim, que fui, com honra, quem primeiro defendeu - com Rui Gomes da Silva - este método de eleição, não concebo que se queira voltar atrás. Sempre preferi que a votação directa do novo líder fosse feita no Sábado do fim-de-semana do Congresso. Mas essa é uma questão de organização, não é a questão de fundo. e essa ficou resolvida com a força da participação dos militantes e com a escolha que fizeram. "As bases", que Francisco Sá Carneiro, desde sempre considerou A GRANDE RESERVA e O GRANDE PATRIMÓNIO do PPD/PSD, mais uma vez, disseram o que entenderam ser justo."

Santo Tirso membro da Fundação Serralves

Tendo em conta a "intensa acção cultural" desenvolvida pela Câmra de Santo Tirso, a Fundação de Serralves convidou o município a tornar-se membro fundador daquela importante instituição portuense.

No convite dirigido ao município, António Gomes Pinho, presidente da administração, destaca a actividade cultural do município principalmente nos domínios das artes plásticas e da música. No mesmo documento, aponta depois como objectivo da adesão de Santo Tirso "o desenvolvimento de um programa de cooperação que permita rentabilizar o património existente e apoiar novas iniciativas de valorização do concelho no contexto regional, nacional e internacional".

Castro Fernandes, presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso destaca "a valorização e promoção de eventos como o Festival Internacional de Guitarra, o Simpósio Internacional de Escultura e A Poesia está na Rua. Para além disso, fala ainda de um "maior aproveitamento, no contexto pedagógico, das infra-estruturas culturais existentes no concelho como o Museu Municipal Abade Pedrosa, o Museu Internacional de Escultura Contemporânea, a Biblioteca Municipal, O Centro Cultural de Vila das Aves, a Estação Arqueológica e o Centro Interpretativo de Monte de Padrão (a inaugurar em breve) entre outras.

Contudo, esta adesão envolve custos e a Câmara tirsense terá de desenbolçar 100 mil euros de joia.


Fonte: Jornal EntreMargens

Aposta para o Benfica-Sporting!

Hoje mais um clássico lisboeta mais concretamente um Benfica-Sporting.
Eu (benfiquista) e a minha amiga Lígia (sportinguista) fizemos uma aposta para o jogo de hoje que aqui vai ficar registada como prova! Se o Sporting ganhar combinei com a Lígia que terei de colocar o meu blog a verde durante uma semana. Se ganhar o Benfica a Lígia fará um texto a elogiar esse grande jogador de futebol, ex-Benfica, Simão Sabrosa. Ora a Lígia detesta o Simãozinho, daí a ideia de escrever um texto a elogiá-lo.

Lígia vai preparando o texto a elogiar o Siimãozinho!!!

Festas de S. Miguel - Padroeiro de Vila das Aves

S. Miguel das Aves é esta terra que há 52 anos aquando da sua passagem para vila se passou a designar Vila das Aves.
Este fim de semana comemora-se mais uma vez as Festas ao Padroeiro S. Miguel Arcanjo, nos dias 27-28-29-30 de Setembro.

Estas festas conhecidas pela actuação de bandas de música e pela procissão de andores. Assim amanhã assistir-se-á à actuação da Banda Musical Cabeceirense de Cabeceiras de Basto e com a Associação Cultural Banda de Música de Riba de Ave.
Pelas 15h a Grandiosa Procissão de andores conta este ano com 22 andores com o já conhecido itinerário: Igreja - Largo da Tojela - Rua D. Eva - Rua João bento Padilha - Rua da Visitação - Rua S. Miguel - Igreja
No final despique musical entre as Bandas de Música e Encerramentos das Festas com Sessão de Fogo de Artifício. Finaliza com a Eucaristia na Igreja Matriz.

PSD - A decisão final (II) - Temos Presidente!


Luís Filipe Menezes

PSD - A decisão final (I)

No concelho de Santo Tirso:

Luís Marques Mendes: 39 votos
Luís Filipe Menezes: 205 votos


Eleição de delegados para o Congresso:

Lista A (liderada por Alírio Canceles): 189 votos
Lista B (liderada por Carlos Almeida Santos): 59 votos

27 setembro 2007

Como eu me identifico...

"Apenas tenho de virar a minha vida de pernas para o ar. E procurar uma casa para eu morar."


Um emprego também vinha mesmo a calhar...

26 setembro 2007

Perdeu-se mais um dos fundadores do PPD

Joaquim Magalhães Mota que fundou o PPD, juntamente com Francisco Sá Carneiro e Francisco Pinto Balsemão, faleceu hoje vítima de doença prolongada.

25 setembro 2007

Contradições...

Nova Lei de Bases (Anos 2000) da Segurança Social

Objectivos:
- Garantir a concretização do direito à Segurança Social
- Promover a melhoria das condições e dos níveis de protecção social e o reforço da respectiva equidade
- Proteger os trabalhadores e as suas famílias na situações de falta ou diminuição para a capacidade de trabalho, de desemprego e de morte
- Proteger as pessoas que se encontram em situação de falta ou diminuição dos meios de subsistência
- Proteger as famílias através da compensação de encargos familiares
- Proteger a eficácia dos regimes prestacionais e a qualidade da sua gestão, bem como a eficiência e a sustentabilidade financeira do sistema

Fonte:http://www.seg-social.pt/

Eleições para o PSD - VI

A guerra está instalada no PSD muito devido à polémica actualização das quotas. Pagamentos colectivos, gente com quotas em dia excluída dos cadernos de voto, enfim...a desgraça.

Esta oposição interna que já se tornou numa lamentável guerra interna é, de facto, deprimente. Enquanto social-democrata que sou entristece-me que se tenha instalado este conflito entre militantes do mesmo partido. Tudo aquilo que o partido precisa, é tudo aquilo que tem vindo a perder-se com este combate entre dois indivíduos que querem a todo o custo liderar o partido: unidade, coesão, credibilidade.

Apesar de eu ser apoiante da candidatura de Luis Filipe Menezes, não deixei de elogiar muitos aspectos em Marques Mendes, inclusivé o pagamento de quotas dentro de prazos estabelecidos. Como eu disse, não é minha intenção estar contra algum dos candidatos, mas tão somente sou a favor de uma união dentro do partido e seus militantes para que todos juntos devolvamos ao PSD a unidade e credibilidade que já lhe foi reconhecida.
Contudo, vejo-me aqui obrigada a falar da inconsistência política que Marques Mendes tem revelado aquando do seu programa de candidatura. Na primeira mensagem de telemóvel que recebi (que foram inúmeras de ambos os candidatos) de Marques Mendes ele revelava que pouco iria falar em tempo de campanha porque queria conter-se nos gastos. Ora foi pena eu não ter contado quantas sms recebi de cada um dos candidatos porque agora teria chegado à triste conclusão de que teriam sido provavelmente quase tantas como as do seu opositor.
No prazo de uma semana foram duas as cartas que recebi de Marques Mendes (nenhuma de Luis Filipe Menezes). E eu questiono-me: ondes está aqui a contenção de gastos? Na carta que recebi hoje, escrita pelo seu mandatário nacional, Alexandre Relvas, algumas coisas até me deram vontade de rir. Aqui partilho convosco:


O apoio que damos ao Dr. Marques Mendes radica em três razões essenciais: experiência política e governativa (Experiência até a tem, agora será essa experiência positiva e com bons resultados?); coragem a fazer oposição (Fazer até a faz, mas muito mal feita. Basta ver o à vontade com que José Sócrates abafa o discurso do lider da oposição no Parlamento, caíndo Marques Mendes no papel de ridículo); pensamento estratégico em relação ao futuro (é capaz de me explicar como? É que ainda não percebi...).

Marques Mendes é das pessoas no PSD com maior experiência política e governativa. Nos cargos que exerceu demonstrou sempre competência, consistência e credebilidade. Ora estas qualidades são indispensáveis para disputar com sucesso a chefia do Governo.

Marques tem feito uma posição corajosa. Tomou conta do partido num momento muito difícil, enfrenta um Governo de maioria absoluta, tomou decisões exigentes em prol da credibilidade política e fez oposição com firmeza e responsabilidade. Dificilmente alguém, nestas circunstâncias, poderia fazer melhor.

Marques Mendes tem um pensamento estruturado e coerente em relação ao futuro. As suas ideias para a Reforma do Estado e a favor da competitividade fiscal e das Pequenas e Médias Empresas são pertinentes. As rupturas que propõe em matéria de educação são essenciais a um ensino de qualidade. O compromisso social que faz a favor do combate ao desemprego e ao abandono escolar são apostas fundamentais, em especial para os jovens.

O nosso apoio a Marques Mendes não é contra ninguém. (Não? A sério? Não diria.) É, além do mais, um apoio a favor da unidade do Partido. Ele é neste momento, o melhor colocado para fazer a unidade do PSD. (Ahahaha, não me façam rir!) E a unidade entre os socias-democratas é condição essencial para ganhar eleições.


Estou ansiosa que chegue o dia em que esta polémica acabe. É que esta guerra não acabará 6ª feira, aliás prolongar-se-á até bem depois de se conhecer o futuro líder do PPD/PSD...

Desigualdade e pobreza

Em Portugal, como se disse, estatística após estatística, confirma-se o aumento da desigualdade. A estagnação económica e o desemprego trouxeram uma outra consequência a subida da população em situação de pobreza. Não sei se serão os 20% que a Comissão Nacional Justiça e Paz (CNJP) estima. Admito que tal dependa dos critérios usados e que estes sejam discutíveis. Mas sei que, quando se analisa quem caiu nessa condição (a sua origem, o contexto familiar, a falta de qualificações ou a idade), percebe-se que dificilmente dela pode sair sem uma atenção política sistemática. Para aqueles em idade activa, políticas redistributivas que não assentem num propósito de (re)inserção produzem, à partida, efeitos contraproducentes, desincentivando o emprego. Porém, quando a pobreza e a exclusão atingem a actual dimensão e a população alvo tem aquelas características, impõe-se a pergunta: até onde se pode ir no processo de reinserção e de políticas activas de emprego? Essas políticas bastam (não se esqueça, por exemplo, a larga fatia de idosos, já sem idade para trabalhar).


24 setembro 2007

O futuro do PSD

Na semana em que ocorrem as eleições directas para a presidência do PPD/PSD o Socióloga Avense veste-se de laranja.

A autora deste blog, como já referiu várias vezes, dará o seu voto ao companheiro Luis Filipe Menezes por acreditar que este é capaz de levar o partido ao lugar que merece .

A autora deste blog tem as quotas em dia, sempre cumpriu o seu dever e as pagou dentro dos prazos estabelecidos.
A autora deste blog sempre pagou as quotas com o seu próprio dinheiro não estando agora a usufruir de pagamentos de terceiros para poder votar.

A autora deste blog espera que estas eleições devolvam ao PSD a credibilidade que lhe tem fugido e devolva esperança a todos os portugueses e aos sociais-democratas em especial.


Na próxima sexta-feira, dia 28, vote naquele que julga ser o melhor líder para o nosso partido.
Também terão lugar as eleições dos delegados ao XXX Congresso que terá lugar nos dias 12, 13 e 14 de Outubro em Torres Vedras.
No concelho de Santo Tirso as eleições decorrerão entre as 18h e as 23h na sede do PSD de Santo Tirso, situada na Rua Dr. Carneiro Pacheco (Centro Comercial Carneiro Pacheco).

Casey Stoner é o novo campeão mundial em Moto GP

Valentino vê, assim, pelo segundo ano consecutivo o título fugir-lhe.

O PETS nas prisões...


(...)

A minha opinião acerca do assunto já aqui falei.

23 setembro 2007

I lost my little girl...

Marisa, I will miss you...

Adenda: Marisa is back.

Temas da actualidade (II) - Racismo e Xenofobia

O tema do racismo e xenofobia está na ordem do dia, quer em termos internacionais designadamente na Europa, quer em Portugal no que concerne a minorias étnicas como ciganos, imigrantes e até judeus. O racismo e a xenofobia têm-se agravado, sobretudo nas últimas décadas, apresentando-se como um problema persistente em diversos países europeus, ao ponto dos seus Governos estarem a prestar uma atenção especial através de subsídio de projectos de investigação e, sobretudo, tomando diversas medidas políticas e legislativas a este respeito.

Podemos assim distinguir dois tipos de racismo:
- o racismo biológico
- o racismo étnico-cultural (este mais designado por xenofobia)

O racismo biológico procura acentar a sua pseudoteoria no conceito de raça, enquanto conjunto de características físicas herdadas (cor do cabelo, pele) e outras crenças raciais que, sendo consideradas etnicamente relevantes, possuem geralmente um carácter mítico. De facto, os desenvolvimentos genéticos caminharam em diferentes linhas, demolindo assim as pretensas teorias das raças puras. Por isso, o tipo de racismo biológico, se bem que cada vez menos aduzido e aceite, constitui uma construção pseudocientífica a que aderiu um determinado número de pessoas.

O racismo cultural apresenta-se como um «racismo sem raça», um racismo «neonacionalista» e, não raro, etnocêntrico, procurando justificar as suas práticas de discriminação com a superioridade cultural ou a necessidade de defesa da própria cultura contra as ameaças «exteriores», sobretudo não americanas ou europeias.

Ambas as formas de racismo são coexistentes e reforçam-se mutuamente em diversos tempos e espaços. No entanto, se até à Segunda Guerra Mundial predominou o racismo colonial e biológico, a partir daí, e sobretudo a partir dos anos setenta, tem predominado o racismo cultural, já que os racistas cada vez menos se atrevem a legitimar-se em bases biológicas e cada vez mais se escudam no racismo institucional ou justificam o seu racismo em bases culturais ou o entendem como o modo de combater a ameaça dos fundamentalismos religiosos islâmicos e outros.

Manuel Carlos Silva


É com esta nova forma de racismo, com forte componete xenófoba, que hoje o mundo e, especialmente a Europa, se defronta.

O último relatório sobre racismo e xenofobia na União Europeia indica que cinco membros (Portugal, Espanha, Itália, Grécia e Chipre) não disponibilizaram dados sobre delitos relacionados com actos de racismo em 2006, e que outros oito países comunicaram um aumento daqueles crimes entre 2005 e 2006 (França, Alemanha, Dinamarca, Irlanda, Polónia, Eslováquia, Finlândia e Reino Unido). "Persistem sinais preocupantes de maus-tratos pela polícia e pelas forças de segurança contra os imigrantes e pessoas que procuram asilo e o crescente racismo é uma praga social na Europa", diz o relatório.

Fonte: Jornal de Notícias de 2 de Setembro de 2007

Hoje houve equipa!

E erros de arbitragem também...

Sem fazer uma grande exibição o Aves venceu hoje em casa o Varzim por 2-1 conquistando assim a tão ansiada primeira vitória da época.
Hoje o Aves jogou melhor dominado por completo a primeira parte, chegando ao intervalo a vencer por 2-0, com os dois golos a terem sido apontados por Tatu.
Assistimos a uma exibição mais consistente da equipa avense, com jogadas bem trabalhadas e de atque bem construído. De salientar, o regresso do guardião avense Rui Faria bastante saudado pelos adeptos. Este sim "defendi"! Boa exibição de Rui evitando na 2ª parte que lances dos poveiros tivessem dado em golo.

Na 2ª parte o Varzim entrou mais forte prestes a alterar o resultado. E aqui se viu mais um errs grave da arbitragem visto o golo dos poveiros ter sido precedido de uma falta a um jogador avense que, assim sendo, não foi assinalada.
Quem me conhece sabe que aquilo que menos gosto de falar no futebol é das arbitragens e que não podemos desculpar más exibições e derrotas exclusivamente culpando a equipa de arbitragem. Mas a verdade é que o Desportivo das Aves já desde a época passada tem sido vítima de graves erros de arbitragem prolongando-se a esta época com a vergonha no jogo em casa frente ao Estoril, por exemplo.

Queria aqui deixar um louvor a um jogador do Varzim que é, a meu ver, um excelente profissional e dos casos raros de amor à camisola. Alexandre, defesa central da equipa do Varzim, tem anos e anos dedicados à equipa poveira sem experimentar aventuras noutros clubes. Exemplo de dedicação a um clube e um excelente defesa. De facto, já me lembro dele no Varzim há muitos anos.

Voltando ao meu Aves, agora é continuar o trabalho e fazer com que esta equipa venha a jogar com exibições cada vez melhores!

20 setembro 2007

"Special one": goodbye Chelsea!


Depois de 3 anos de sucesso no Chelsea, ocorre o divórcio entre José Mourinho e o clube inglês.

Para onde irá agora Mourinho? Ele sempre mostrou vontade em treinar a selecção de Portugal, mas não já. Será que com a actual polémica em torno de Scolari e a crise de resultados da nossa Selecção virá Mourinho mais cedo?



O Desportivo das Aves também está em crise e precisava de um novo treinador!!!

18 setembro 2007

Quem ama tanto um clube como este homem ama o Benfica?


Hoje no jogo AC Milan - Benfica, a contar para a Liga dos Campeões, Rui Costa (ex-jogador do AC Milan) foi aplaudido intensamente pelos presentes no estádio de Giuseppe Meazza.
Os adeptos do AC Milan não esquecem Rui Costa e tudo o que este deu durante anos a este clube da cidade de Milão. Se fosse a situação contrária os adeptos portugueses, pobres de mentalidade, teriam assobiado e insultado.
Rui Costa aquando da substituição fez questão de sair de campo sempre com a mão ao peito junto do emblema benfiquista como que dizendo "Sou do Benfica, é o Benfica que eu amo". Os adeptos no estádio de Giuzeppe Meazza sabem-no mas nem por isso deixaram de aplaudir de pé aquele que em tempos foi o seu jogador, porque sabem que Rui nutre uma enorme simpatia pelo AC Milan, porque Rui nunca negou que o seu clube do coração é unicamente o Benfica!

16 setembro 2007

Um blog recomendado!

Diário de um sociólogo, do professor Carlos Serra de Maputo, Moçambique.

Desportivo das Aves: o fim?

Esta semana o Desportivo das Aves foi notícia por ameaçar acabar com o futebol profissional a partir da próxima época em virtude das arbitragens que têm prejudicado o clube.


O campeonato da Liga Vitalis está a correr muito mal para o Desportivo. E hoje, na Trofa, arrecadou a quarta derrota em quatro jogos ao perder por 2-1.
Sinceramente estou sem palavras e a enorme tristeza que me avassala deixa-me sem saber o que mais dizer acerca da crise futebolística deste grandioso clube...

Ainda o caso Madeleine

Hoje no Jornal de Notícias, a investigadora na área da Sociologia da Comunicação, Isabel Babo-Lança fala do possível desaparecimento da criança inglesa, fazendo uma análise que vai muito de encontro aquilo que eu aqui disse.


Isabel Babo-Lança, investigadora na área da Sociologia da comunicação, vê nas características da família alguns atractivos para os média "Uma família feliz, de médicos, a passar férias". Acrescenta que ao desaparecimento se seguiu um conjunto de acções desencadeadas pelos pais para encontrar a filha que se tornaram eles próprios acontecimentos, criando "uma narrativa em curso". O facto de os pais se terem mantido na Praia da Luz, convertida em "palco" também contribuiu para isso. "É inédito, eu pelo menos não conheço mais caso algum, em que os pais marquem eles próprios a agenda mediática", sublinha.
No seu entender, não foram só os média a construir a história. "As respostas dos pais ao drama criaram um enredo", assinala Isabel Babo-Lança, que não imputa aos média uma pura fabricação dos acontecimentos". Por outro lado, considera que estes "acabaram por transmitir uma forma de ver e julgar o que se passou".

CTT de Santo Tirso em risco de fechar?

Os CTT de Santo Tirso fazem hoje notícia no Jornal de Notícias ao dar como possível o seu encerramento dadas as dificuldades por que tem passado.
Já várias foram as pessoas que se quiexaram de por inúmeras vezes lá chegarem e os CTT Correios assumirem falta de dinheiro para pagar as pensões.

O PSD local já fez ver o seu parecer. E o executivo camarário, não tomará uma atitude perante a possível perda de um serviço de extrema importância para a população da cidade de Santo Tirso?

"The Doctor" vence prova do Estoril e entrega do título fica adiada


14 setembro 2007

A situação de Scolari



No jogo da passada 4ª feira que opôs a nossa Selecção à Sérvia(com o resultado final a ditar um empate a 1 golo) o treinador da selecção portuguesa, de cabeça quente devido ao empate ocorrido a escassos minutos do final da partida, dirigiu um murro a um jogador da equipa serva.
Não escrevo aqui para desculpabilizar Scolari nem legitimar o seu acto transgressor mas todos sabemos que se Portugal estivesse a ganhar aquela situação não ocorreria. Todavia, tal constatação não pode se apresentar como desculpa e Scolari reagiu mal e terá, obviamente, de pagar pelo seu gravíssimo erro. A situação não é desculpavel a qualquer jogador de futebol, muito menos deverá ser a um treinador que se apresenta como um regulador de toda uma equipa.


Contudo, não acho que Scolari deva se demitir do comando técnico da equipa das quinas. Confesso que nunca fui muito fã de Scolari nomeadamente no que respeita à convocação de alguns jogadores e no que respeita ao esquema de jogo. Apesar das minhas discordâncias relativamente à filosofia de jogo de Mr. Scolari admito(e todos nós temos que admitir)que ele ajudou a conquistar glórias para o nosso país. Em muito se deve a ele o nosso 2º lugar no Europeu 2004 disputado em nosso território, a ele também devemos o 4º lugar no Mundial de 2006.
Mas agora toda a gente esquece isso e censura intensamenta a atitude do homem. Quando as coisas nos correram bem ele era um herói, agora que as coisas lhe correm mal(e desculpem-me a expressão) ele é um filho da puta. Sinceramente...
A meu ver Scolari merece uma punição severa. Mas também uma segunda oportunidade. Os jogadores gostam dele, e são os jogadores que que fazem os resultados. Se tiverem um mister que gostem e crie bom ambiente de equipa, melhor ainda.
Veremos o que sucederá a Luiz Felipe Scolari...

Universidade do Minho quer ultrapassar a Universidade Independente

A Universidade Independente vê-se numa crise interna que surgiu em grande parte devido à polémica do diploma do actual primeiro-ministro, José Sócrates, ser datado de um domingo.
Ora, do meu ponto de vista, sempre achei toda esta especulação ridícula. Devo admitir que achei estranho o facto de haver um diploma datado de um domingo, mas nunca pus em questão a veracidade da licenciatura do cidadão José Sócrates.
Este caso e toda a mediatização que suscitou nos media, assim como as inúmeras críticas perjurativas da sociedade civil, aparecem aos meus olhos ainda com maior ridicularismo. Isto porque a Universidade do Minho pelos vistos é perita em passar certificados de habilitações em dias não-úteis. Já aqui vos tinha falado da licenciatura da minha amiga Sara ter sido datada a um feriado: 25 de Abril de 2007. Ora estes casos sucedem-se na UM. Ainda ontem tive conhecimento de mais dois casos. Também a minha amiga Lígia parece ter terminado a licenciatura a 25 de Abril do presente ano. E a Cidália viu o seu curso terminado a 7 de Julho de 2007: um Sábado. Pois é, com um bocado de sorte o diploma da Cidália foi considerado a 8ª Maravilha do Mundo.

Estes casos sucedem-se nas universidades portuguesas e ninguém diz nem faz nada. Depois não se admirem se mais tarde der em polémica. Admirem-se sim se a pessoa em causa for o primeiro-ministro, que fica provado que injustamente foi acusado de algo que possivelmente não terá a mínima culpa.
Enfim, especulações e interesse da nossa comunicação social social cada vez mais podre que inventa logo um circo à volta de uma figura pública portuguesa.

Moto GP no Estoril



A 14ª ronda do Campeonato do Mundo de MotoGP disputa-se no Circuito do Estoril a 16 de Setembro, com os melhores pilotos do mundo das duas rodas a alinharem no bwin.com Grande Prémio de Portugal.

Sempre uma corrida emocionante, a visita deste ano a Portugal conta com emoção extra de ser a primeira oportunidade de se ficar a conhecer o Campeão do Mundo. Com Casey Stoner actualmente a liderar o Campeonato do Mundo com 85 pontos de vantagem a apenas cinco corridas do final da época, e a ter a quinta posição como pior resultado até ao momento em 2007, o australiano tem a possibilidade matemática de averbar o primeiro ceptro da carreira antes de deixar o Estoril.

Se Stoner ganhar a sua nona corrida da época e o seu principal rival Valentino Rossi não conseguir melhor que um sexto posto final, então o homem da Ducati fechará as contas do título e tornar-se-á no primeiro australiano a conquistar o Campeonato do Mundo desde Mick Doohan.
Este ano Portugal poderá conhecer, pela primeira vez, o campeão de Moto GP. Casey Stoner está à frente no campeonato. O italiano Valentino Rossi esta época está longe do seu melhor sendo muito difícil vir a alcançar o título.
Recorde-se que o ano passado, pela primeira vez, Rossi não ganhou a prova do Estoril quando nos instantes finais viu passar à sua frente o norte-americano Nicky Hayden acabando este por vencer a prova e sagrar-se, na prova seguinte, campeão do Mundo em Moto GP.
Ainda não é este ano que vou ao Estoril ver a magnífica prova de Moto GP, mas espero que quando tiver a oportunidade de ir seja o fantástico Valentino Rossi a vencer a prova que lhe fugiu o ano passado e que espero que venha a conquistar este ano.
Aguardemos até domingo...

11 setembro 2007

11 de Setembro de 2001 - seis anos passaram...

Os atentados de 11 de setembro foram uma série de ataques contra alvos civis nos Estados Unidos em 11 de Setembro de 2001. Na manhã deste dia, quatro aviões comerciais foram seqüestrados, sendo que dois deles colidiram contra as torres do World Trade Center em Manhattan, Nova York. Um terceiro avião, o American Airlines Flight 77, foi direcionado pelos seqüestradores para uma colisão contra o Pentágono[1][2], no Condado de Arlington, Virgínia. Os destroços do quarto avião, United Airlines Flight 93, foram encontrados espalhados num campo próximo de Shanksville, Pensilvânia. A versão oficial apresentada pelo governo norte-americano reporta que os passageiros enfrentaram os supostos seqüestradores e que, durante este ataque, o avião caiu[1][2]. Os atentados causaram a morte de 3234 pessoas e o desaparecimento de 24.







Entretanto, o novo vídeo de Osama Bin Laden foi divulgado, na passada terça-feira, pela rede Al Qaeda coincidindo com o sexto aniversário dos atentados de 11 de Setembro ocorrido nos Estados Unidos em 2001. No vídeo, o mesmo Bin Laden aparece elogiando um dos autores do atentado descrevendo-o como um exemplo a seguir pelos jovens islâmicos.

Hoje Bin Laden volta a aparecer num video na internet ao marcar o sexto aniversário dos atentados terroristas a New York e Washington.

10 setembro 2007

Aumento do número de suicídios





Aqui vai uma análise sociológica! Segundo Émile Durkheim existem três tipos de suicídio, são eles:

- Suicídio egoista: o qual em consequência da quebra da solidariedade de grupo ocorre como resultado de um excessivo individualismo, gosto de si próprio.
- Suicídio altruísta: mais frequente nas sociedades tipo tradicional, ocorre em circunstâncias particulares de defesa da comunidade à qual o indivíduo se encontra excessivamente ligado assim, por razões de lealdade ou devoção, o indivíduo funde-se com o grupo e perde de tal modo a sua identidade que acaba por sacrificar-se em nome do grupo ou pelas aspirações do grupo, comunidade.
- Suicídio anómico: sendo mais frequente em situações de crise, sempre que a ordem social é perturbada. Resulta da ausênca ou perda de ligação ao grupo, de relaxação ou ambiguidade das normas, situação esta que, por sua vez, é efeito da incapacidade da sociedade em integrar os indivíduos que não se sentem vinculados à mesma.

«A surpreendente regularidade estatística dos suicídios não é explicável nem a partir da raça, da hereditariedade ou do contágio psíquico, mas justamente do grau de ausência/presença e do grau de integração social. A maior ou menor taxa de suicídio depende do menor ou maior grau de coesão social do grupo e da sociedade em que o indivíduo está inserido.
Daqui conclui-se o seguinte: as taxas de suicídio variam na proporção inversa do grau de integração social dos indivíduos, ou seja, quanto mais socialmente integrados menor a propenção de suicídio e vice-versa.»

09 setembro 2007

Bracarenses querem regresso do eléctrico à cidade

Pedro Morgado, do Avenida Central, Braga, está a levar a cabo uma petição que visa fazer regressar os carros eléctricos à cidade dos arcebispos.


Os interessados podem assinar a petição em:

http://www.petitiononline.com/braga/petition.html

Promover a cidadania

...a participação activa contribui para «construir» pessoas mais emponderadas psicologicamente, ou seja, mais capazes de olhar o mundo na sua complexidade e de agir e reagir em conformidade.

...este exercício efectivo da cidadania pode ocorrere independentemente do tipo de actividade ou de organização em que os indivíduos estão envolvidos.

Todos, independentemente da raça, religião, cor política ou condição social, devem ter um lugar e uma palavra a dizer sobre os destinos do seu país, da sua cidade, da sua rua.

A participação activa obriga a conviver com outros cidadãos, a dialogar, a discutir, a divergir, a encontrar consensos e a desenvolver projectos.


...nem sempre a participação tem efeitos positivos nos indivíduos (...) certas actividades associativas contribuem para promover ideais pouco democráticos, como a xenofobia, o racismo ou a violência e não incentivam a diversidade cultural ou ideológica.


Isabel Menezes, psicóloga, na revista Notícias Magazine de 9 Setembro 2007

Futsal: Benfica conquista Supertaça 2006/2007

Benfica 8 - 3 Braga/AAUM

Liga Intercalar: mais uma competição do futebol português

Estão praticamente definidos os participantes da futura Liga Intercalar que deverá arrancar a 29 de Novembro, como complemento dos campeonatos da Bwin Liga, Liga Vitalis, Taça de Portugal e Taça da Liga. FC Porto, Boavista, Leixões, Aves, Trofense, Penafiel, Varzim e Gondomar já estão certos nesta competição organizada pela AF Porto, destinada a jogadores profissionais pouco utilizados ou a juniores com contratos profissionais, pelo que apenas falta ao Braga e Guimarães, ambos da AF Braga, responderem afirmativamente a um convite feito há uma semana para estarem encontradas as dez equipas participantes. No próximo dia 10 de Setembro serão limadas as últimas arestas durante uma reunião na sede da AF Porto. Ao que O JOGO apurou, Braga e Guimarães manifestaram interesse pela oportunidade, mas a AF Braga deseja colocar mais clubes filiados nesta prova na próxima época.

08 setembro 2007

Best friends!

Best Friends are those who don't judge each other...best friends are those who stand by each other even thow they don't agree together with something...best friends are those who we get in touch with when we most need them (but in our hearts we are always thinking about them)...best friends are those who help each other in any matter.....THANKS FOR EVERYTHING! I'm lucky because I know that I have a best friend...and no matter what happens, where I am, or what I do, my best friend will never let me down! ;)

Por: Liliana Ribeiro

07 setembro 2007

O caso Madeleine...

O desaparecimento da criança inglesa em Maio no Algarve, muito sinceramente, nunca me pareceu que se devesse a rapto. Na minha humilde opinião (não sou mãe logo não posso falar por experiência própria) parece-me inconcebível deixar crianças sozinhas num apartamento ou num quarto enquanto se vai muito descansadamente jantar. Mas que pais são estes, pensei eu?
Depois o que mais me fez não acreditar que tal desaperecimento de devesse a rapto foi todo o mediatismo criado em volta do casal McCann, proporcionado sobretudo por eles e com a ajuda da comunicação social de todo o mundo. E, mais uma vez, eu me questionava: que pais, ao perderem um filho, se dão ao trabalho de andar de um lado para o outro do mundo em viagem, enquanto continuam sem paradeiro da filha? É verdade que ficar parado sem nada fazer não é solução, mas se fosse comigo eu não teria cabeça para andar em viagens sem saber onde estava o meu filho, o que lhe teria acontecido. O que foram os McCann fazer a Espanha? O que foram eles fazer ao Vaticano, o Pápa trazia a filha de volta?

Enquanto toda a gente por este país e pela Europa tinha muita pena com a vitimização do acontecimento, fazendo tudo pelos McCann, abrindo contas no banco e criando grandes ondas de solidariedade, eu julgava tudo isto (e peço desculpa pela minha insensibilidade) uma fachada, algo criado pelos McCann para conseguirem atenção e mediatismo da comunicação social. Com que interesse, não sei... E sempre que a comunicação falava menos do assunto lá vinha o casal vitimizar-se "Don't forget about Maddie". Não é de Maddie que eles querem que não se esqueça, mas sim deles.
A verdade é que este caso já caíu no ridículo, as pessoas atribuem cada vez menos importância ao caso, e cada vez menos estarão sensíveis a casos de raptos de crianças, fazendo com que em próximas situações idênticas a sociedade civil (e até mesmo a própria polícia) não se mobilizem em gestos de solidariedade, caindo outros casos no esquecimento.

Entretanto, as verdades começam a descobrirem-se e os McCann estão a ser interrogados pela polícia como possíveis suspeitos de um crime que possa ter vitimizado Madeleine McCann. O que eu pensava...




Porque não há TUST em Vila das Aves?

Por várias vezes me ponho a pensar que os TUST (Transportes Urbanos de Santo Tirso) têm um funcionamento muito limitado, abrangendo apenas um escasso número de freguesias. Não sei dizer concretamente quais as ditas freguesias que estes autocarros urbanos percorrem, mas estou em crer que trespassam a cidade e se dirigem apenas às freguesias mais próximas da cidade.
A meu ver, deveria haver uma maior aposta deste transporte de forma a fazê-lo chegar às várias freguesias do concelho de Santo Tirso. Seria uma forma de proporcionar o desenvolvimento local facilitando a acessibilidade à cidade, assim como dentro das próprias freguesia.

Veja-se o exemplo de Vila das Aves, é uma vila de grande dimensão territorial e populacional e os transportes públicos de que usufrui não cobre todo território nem ficam próximos de grande parte da população. O comboio suburbano do Porto fica numa ponta da vila ficando inacessível a muitos habitantes que queiram se deslocar à cidade de Santo Tirso ou mesmo a outras. A camioneta com destino a Santo Tirso tem um número reduzido de paragens em Vila das Aves, não abrangendo grande parte do território avense, logo como consequência deveras negativa, verificamos que não chega a grande parte da população avense que necessita do seu serviço. Já para não falar no autocarro que liga Vila das Aves a Guimarães que tem somente (se não me engano) três paragens em Vila das Aves.
Um transporte urbano em Vila das Aves é, a meu ver, urgente. Precisamos de um transporte que ligue os mais diversos pontos da vila, fazendo com que os seus utentes tenham como deslocar-se para qualquer sitío, para que seja mais acessível chegar a locais como: à estação de comboio, à feira, ao centro de saúde, aos supermercados, às escolas, ao estádio, e mesmo às paragens de camioneta que ligam a outras terras e à própria cidade concelho. Veja-se que de camioneta Vila das Aves - Santo Tirso paga-se, de momento, 1.57€ enquanto nos TUST possivelmente se paga menos, já para não falar que muitas pessoas ainda têm que andar muito a pé para se deslocarem para as poucas paragens da camioneta.

Fazer chegar os TUST a Vila das Aves implicaria uma grande mobilização da sua população o que me parece, a curto/médio prazo, impossível dado o comodismo destas pessoas e dado que nunca ouvi ninguém falar do assunto,logo não me parece que a ideia já tenha surgido.
Uma vila com a nossa dimensão necessita de um tranporte urbano ao alcance das mais diversas pessoas, ao alcance dos mais diversos pontos da vila.

03 setembro 2007

Eleições para o PSD - V

Marco António Costa, vice-presidente da Câmara Municipal de Gaia, ontem no JN fala das eleições para a presidência do partido.
O número dois da Câmara de Gaia é um social-democrata pelo qual nutro grande admiração. Já tive a oportunidade de estar com ele em vários jantares políticos quando ele ainda era presidente da CPD Porto e sempre gostei do seu discurso. É uma pessoa bastante inteligente e discursiva, sem ser demasiado benevolente e sem ser arrogante ele apresenta um discurso bastante coloquial capaz de captar os ouvintes. Diz as verdades sem qualquer arrogância e muito ciente do que está a dizer. Também foi sempre uma pessoa bastante assertiva quando deputado no Parlamento. De realçar ainda a sua amabilidade com as pessoas com as quais vai estando em actividade política. Assim, a meu ver, estou em crer que Marco António Costa deixou um trabalho bem feito no PSD Porto.
Como seria de esperar, ele é apoiante da candidatura de Luis Filipe Menezes. Eis as suas palavras que em muito se identificam com aquilo que, em parte, também penso e defendo:

As eleições directas para a presidência do PSD que pôem em confronto Marques Mendes e Luis Filipe Menezes, mais do que servir para escolher a personalidade de um líder, são a oportunidade que o partido tem para encontrar um líder carismático, corajoso e com obra feita capaz de conduzir o PSD a uma vitória eleitoral em 2009 sobre o PS de Sócrates.
Relativamente a isto eu já me tinha pronunciado neste blog e, de facto, embora eu prefira Menezes a Mendes na presidência do PSD, estou em crer que nem ele será capaz de derrotar Sócrates e o PS nas próximas legislativas. Contudo, poderá impedir a maioria absoluta do PS, algo que na minha humilde visão Mendes não conseguirá. Por outro lado, concordo plenamente com Marco António Costa quando diz que precisamos de um líder carismático, mas será esse líder Luis Filipe Menezes? Aqui tenho dúvidas...

A verdade é que os portugueses não vêem alternativa no actual PSD. A verdade é que os portugueses fazem saber todos os meses, todas as semanas, em todas as ascultações que Marques Mendes não lhes serve para derrotar José Sócrates.
Não vale a pena insistir. O actual líder do partido, com todas as qualidades que possa ter, nunca apresentou um discurso mobilizador, as suas propostas alternativas à governação socialista não são convincentes e muito menos galvanizadoras. No Parlamento, apesar da sua "experiência" que os seus apoiantes pregam, sai regularmente derrorado por José Sócrates e na opinião pública; e quanto a carisma estamos conversados...
Marques mendes nem dentro do partido consegue essa mobilização ou o mínimo de estabilidade(...)

E vão demostrá-lo votando em Luís Filipe Menezes, na esperança que têm num militante, num autarca, num dirigente que tem obra feita e reconhecida, ao ter liderado a transformação de Vila Nova de Gaia de um território desqualificado e subdesenvolvido num espaço dinâmico, moderno e ambientalmente exemplar, que hoje é um polo de atracção de investimento e população que procura a sua qualidade de vida.

A verdade que é mais fácil discutir ou mesmo procurar contradições nas opiniões e nos discursos de Luis Filipe Menezes do que nos de Marques Mendes. A explicação é muito simples: é que o primeiro tem conhecimento político conhecido, exprime-o semanalmente por escrito, em artigos de opinião, em debates e em fóruns... Marques Mendes cala-se, repete banalidades e frases feitas. É o exponente máximo do politicamente correcto.
E, de verdade, as suas frases feitas, o seu discurso de politicamente correcto tem-lo levado a ser quase um bôbo da côrte perante as ofensivas de José Sócrates que, do meu ponto de vista, sai quase sempre em vantagem nos debates em Assembleia da República, pois o ainda líder do PSD não sabe fazer oposição.

Santo Tirso e o longínquo desenvolvimento...

Porque está o Aves tão mal?

O Aves perdeu os quatro jogos oficiais que disputou esta época. Primeiro foi eliminado no campo do Estoril para a Taça da Liga, depois nos três jogos da Liga Vitalis leva com três derrotas. Isto só pode ser apelidado de péssimo. Já há muito que tal não sucedia, estando nós com a pior classificação das últimas épocas. Assim à terceira jornada, eis a classificação do Aves nas últimas épocas:

07/08: 0pts (16º)
06/07: 2pts (14º) - 1ªLIGA
05/06: 3pts (11º)
04/05: 6pts (4º)
03/04: 6pts (4º)
02/03: 3pts (13º)
01/02: 6pts (6º)
( via comentários no C.D. Aves)

No jogo de ontem o Aves voltou a ser uma equipa desiquilibrada, sem jogadas consistentes nem jogadas de ataque. Marcou nas únicas oportunidades em que chegou à baliza do Estoril. Teve uma oportunidade crucial na 2ª parte (quando ainda ganhavamos por 2-1), oportunidade essa que poderia ter resolvido o jogo a nosso favor mas que a soubemos desperdiçar com toda a estupidez possível. Falta tranquilidade, determinação e muita garra a esta equipa. Jogadores (reforços) bem conhecidos do nosso futebol como Gouveia, Nuno Mendes e Rui Miguel andam completamente apagados, longe do seu melhor. Valeu pelo menos o fantástico golo de Gouveia a 35 metros da baliza.
Numa altura em que já estivamos empatados a dois golos, surge uma falta dentro da grande área do Estoril com o árbitro a não asssinalar o penaltie a nosso favor. Acabamos por minutos depois sofrer o terceiro golo sendo-nos imposta a derrota.
O árbitro influenciou o resultado mas não pode servir de desculpa. Algo está muito mal neste Aves e sinceramente é-me difícil encontrar uma explicação verdadeiramente plausível. A equipa tem reforços de renome no futebol português, contudo também se reforçou com muitos estrangeiros nomedamente brasileiros de desconhecida qualidade (ontem o guarda-redes Rafael teve uma prestação lamentável). Tem um treinador jovem com uma visão prática e actual de ver o futebol, contudo eu nunca fui a favor da sua contratação pois José Gomes já cá esteve e não deu verdadeiras provas de conseguir treinar um grande clube como o Aves. É verdade que o actual presidente é muito jovem e inexperiente, contudo sabemos perfeitamente que ele tem consigo o pai, António Freitas, que leva muitos anos de carreira na presidência do Aves.
Então o que está mal? O que tempos de mudar? Queremos o Aves das vitórias e das boas exibições rapidamente!

De realçar o número diminuto de adeptos ontem presentes no estádio. A época passada tinhamos sempre boas assitências, superiores a muitos clubes tradicionais da I Liga. E, mesmo na II Liga os avenses sempre apoiaram a equipa e sem estiveram em elevado número no estádio. Mas ontem espantei-me com o número em nada avultado de adeptos. Recordo-me que há 6 anos quando descemos se passou o mesmo. A descida juntamente com as fracas exibições e maus resultados do Aves esta época, afastam os adeptos do estádio.

Na I ou na II, nas vitórias e nas derrotas, temos de apoiar e ajudar o Aves a chegar aos altos vôos a que nos habituou.

01 setembro 2007

Red Bull Air Race - Porto/Gaia

I was there!

O início do espectáculo...

Um dos pilotos da prova em acção entre os pórticos!


Os aviões que animaram o intervalo foram um verdadeiro espectáculo!!!

Arquivo do blogue